25 de maio de 2017

Covardia: policiais da PRF da cidade de Rio Verde-GO são flagrados matando covardemente um cavalo a tiros.

Veja o documentário do homem que poderá mudar o brasil. Caso seja eleito presidente.


Conheça um pouco a trajetória do homem que no momento é a única esperança para fazer as transformações que os políticos tradicionais e que se dizia “intelectuais”, ou até mesmo os que se diziam “trabalhadores” não conseguiu fazer.

Prefeito Juscelino Oliveira assina termo de cooperação técnica do Programa Escola Digna para o Plano da Serra.

Mais 05 escolas do mesmo programa já foram pleiteadas junto ao governo do Estado, e em breve outros bairros serão beneficiados com novas unidades de ensino bem estruturadas.
A Prefeitura Municipal de Açailândia, através da Secretaria Municipal de educação iniciou na última terça feira (23), no auditório do Instituto Estadual de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão - IEMA, a l Formação Continuada do Programa ESCOLA DIGNA.

22 de maio de 2017

Realizada com sucesso a 1ª Conferência de saúde da mulher de Açailândia


Realizada com sucesso no ultimo sábado dia (20), a 1º Conferência de Saúde da Mulher de Açailândia, que teve como tema: “Saúde da Mulher: Desafios para Integridade com Equidade”, onde se discutiu as politicas públicas, e um atendimento humanizado, a todas as mulheres do município.

Blog que defende Flávio Dino, ataca deputados que foram conhecer a reforma que nunca tem fim, em escola estadual de Açailândia.


Em 1º de novembro de 2016, o blog Açailândia de Fato noticiou a postagem com o seguinte titulo;VEJA AQUI“Governo do Maranhão vem causando prejuízo e revolta aos alunos da escola estadual Antônio Carlos Beckman em Açailândia”. Desde então, a reforma nunca foi concluída, o que vem causando a revolta da população, além dos alunos.

21 de maio de 2017

O drama continua: Familiares de turistas maranhenses reclamam da demora no traslado do corpo para o Maranhão

Familiares e amigos do casal Paulo Trajano e Rosália Bordalo, vitimas fatal de acidente de transito ocorrido no ultimo dia (16), na região de Mendoza na Argentina, vem a público pedir providencias urgente ao Itamarati, para que sejam transladados os corpos das vitimas ao maranhão.

20 de maio de 2017

A pilantragem nos porões da politica brasileira


Todos os políticos pilantras do brasil, que por sinal são só 99,99%, quando questionados sobre propinas, sempre vêm com essa ladainha, e afirmam que; “todas as despesas foram contabilizadas, e aprovadas pela justiça”.

19 de maio de 2017

Deputado do MA que prega impeachment de Temer é réu no STF por peculato

Opinião do Blog.
Pelo bem da nação, tinha que haver uma intervenção civil  no Brasil com apoio militar. Ou seja, o povo tomaria o poder com ajuda das forças armadas, um governo militar seria criado indicado pelo povo, fecharia-se o congresso, o STF, prenderia todos os políticos e “autoridades” envolvidas em atos de corrupção, e uma nova república seria criada. Quando tudo estivesse “bem”, o novo governo militar convocaria novas eleições democráticas. Ai sim nasceria um novo Brasil.


O deputado federal Weverton Rocha (PDT-MA), ungido pelo próprio partido e pelo PCdoB, PT, PSB, Rede e PSOL como porta-voz do pedido de impeachment do presidente Michel Temer (PMDB) por suposto crime de responsabilidade, prega uma moralidade da qual seu curriculum político está longe de possuir.

Alegria petista durou pouco: revelação de propina de R$ 300 milhões pela JBS ferra Lula e Dilma

Como vimos agora há pouco, a JBS depositou R$ 300 milhões em propina devida ao PT em uma conta secreta gerida por Joesley Batista na Suíça.

Ministro da Justiça é "um bosta de um caralho", diz Aécio.


Dentre as gravações realizadas por Joesley Batista, dono da JBS que fechou acordo de delação com a Procuradoria-Geral da República, estão conversas com o senador afastado Aécio Neves (PSDB) sobre tentativas de barrar a Operação Lava Jato e anistiar o caixa dois no Congresso.

O diálogo está transcrito na decisão do ministro do STF Edson Fachin, obtida pelo BuzzFeed Brasil, que afastou Aécio do Senado e decretou as prisões preventivas da irmã dele, Andréa Neves, e de seu primo Frederico Pacheco de Medeiros — responsável por receber propina em nome dele.